Treinamentos Corporativos

0
Compartilhar

Treinamentos Corporativos

Treinamento corporativo: inove o seu com essas 6 dicas gamificadas
Engajar uma equipe durante um treinamento corporativo pode ser um desafio e tanto. Isso porque nem sempre é de interesse do colaborador aprender novas técnicas, e muitas vezes ele não quer estar ali fazendo o treinamento, ele preferia estar fazendo outra coisa.

Como o funcionário não costuma ver valor em certos conhecimentos, é normal que eles não se interessem em participar de treinamentos corporativos, principalmente se eles tiverem que ser feito aos fins de semana ou fora do horário comercial.

Pensando nesta realidade, especialistas na área de treinamento corporativo procuram sempre por novas formas de montar esses conteúdos, buscando um maior envolvimento por parte das equipes.

Uma das estratégias encontradas por eles para melhorar o engajamento da equipe com os treinamento foi a gamificação.

O que é gamificação?

Gamificação — em inglês, gamification — é a prática de utilizar as técnicas dos games para envolver pessoas a fazer algo que talvez elas não quisessem fazer se não estivessem sendo motivadas pelo jogo.

Segundo uma pesquisa divulgada pela Ryan Jenkins, mais de 60% dos CEOs e outros executivos dizem fazer pausas curtas durante o trabalho para jogar. Mais da metade deles afirmam se sentir mais produtivos com isso.

A gamificação pode ser usada em programas de fidelização de clientes, por exemplo, para estimular o consumidor a comprar mais.

No entanto, a área que essa estratégia mais tem sido usada é a da aprendizagem. Seja em colégios ou no ambiente empresarial, a gamificação tem entrado com tudo.

Você sabia que quase 80% das pessoas afirmam que seriam mais produtivas se suas atividades fossem mais parecidas com jogos?

Imagine que você precisa capacitar sua equipe através de um treinamento corporativo específico. Seu time pode não estar muito afim de ter trabalho estudando aquilo, mas talvez se o ambiente for mais lúdico e descontraído, as coisas mudem de figura.

Todo mundo já se viu viciado em algum jogo, seja ele de computador, videogame ou celular. Games famosos como o Super Mário, o The Sims e, mais atualmente, o Candy Crush conquistaram o gosto das pessoas.

E essa é a ideia do gamification: envolver, cativar e viciar as pessoas a conquistarem desafios propostos pelos desenvolvedores do game, que nesse caso, são desafios ligados ao treinamento corporativo.

Vamos te dar agora 6 dicas para trabalhar a gamificação no seu treinamento corporativo e assim conseguir um maior envolvimento por parte dos seus colaboradores.

Vamos lá?

6 dicas para inovar seu treinamento corporativo com gamificação

Vamos direto às dicas:

1) Utilize um tema

É interessante que o seu game tenha um tema para que o processo fique ainda mais lúdico e divertido. Isso ajuda o colaborador a permanecer na plataforma por mais tempo.

O tema de fundo do mar, por exemplo, pode trazer uma corrida de navios, enquanto que um tema no céu pode trazer uma corrida de balões.

Além disso, os melhores no jogo podem ter status melhores no game, como capitão, por exemplo.

2) Tenha uma plataforma que seja acessível também no celular

É importante que o jogo esteja disponível na palma da mão do jogador, assim, ele pode checar sua classificação ou seus desafios sempre que quiser.

Isso aumenta o envolvimento dele na trama e permite que ele jogo (e aprenda!) de qualquer lugar.

Outro ponto essencial é ter um template amigável. As pessoas tem que gostar de acessarem sua plataforma, ela deve ser colorida, divertida e dinâmica.

3) Trabalhe com desafios alcançáveis e desafiadores

O que fará as pessoas se desenvolverem e participarem efetivamente dos treinamentos são os desafios propostos a elas.

No caso do game estar sendo usado em um treinamento corporativo, os desafios devem estar, obviamente, ligados às competência necessárias para a conclusão do treinamento.

Por exemplo, se é necessário assistir a um determinado vídeo, esse deve ser um dos desafios. O mesmo é válido para provas, exercícios e tarefas.

4) Promova rankings

O ranking é um excelente forma de motivar a equipe, pois permite que todos vejam as posições dos seus “concorrentes” na corrida pela primeira colocação.

Esse tipo de competição é uma competição saudável, pois ao final dela, todos saem ganhando.

Os funcionários que disputaram as primeiras colocações tentaram ultrapassar os outros completando desafios que deram a eles mais conhecimento sobre a área.

Dessa forma, todos aprenderam mais, aperfeiçoaram suas técnicas e agora estão mais bem preparados para o dia a dia da organização.

5) Crie quizzes

Para garantir um aprendizado completo e ter indicadores sobre o real aprendizado da sua equipe, crie quizzes.

Um quiz é um jogo de perguntas e respostas em que o jogador precisa acertar as perguntas para ganhar pontos.

Ele pode ser jogado contra outro jogador para saber quem tem mais conhecimento sobre um determinado tema.

No caso de um treinamento corporativo, os quizzes podem ser colocados ao final dos cursos para que o gestor saiba o nível de aprendizado daqueles que passaram pelo treinamento.

6) Dê prêmios

Premiar também é importante para trabalhar a motivação da equipe. A participação nos lucros e resultados e as bonificações por metas batidas são alguns exemplos.

No seu game, também deve haver premiações para os primeiros colocados no ranking ou ao terminar um determinado desafio, pois isso os fará ver mais valor no jogo.

As bonificações não precisam ser necessariamente monetárias. Podem ser cursos, livros, viagens, folgas e até oportunidades de promoção dentro da organização.

Que tal um complexo game para determinar quem poderá se candidatar a uma vaga de um cargo maior?

Você utiliza o jogo para garantir que os candidatos à vaga terão todos os treinamentos necessários para o cargo e ainda estimula que eles busquem por novas capacitações.

Como já falamos, todo mundo sai ganhando.

E aí, gostou das nossas dicas sobre gamificação na área de treinamento corporativo? Esperamos que sim. Para que você possa continuar seus estudos sobre o tema, achamos que seria interesse ler o seguinte artigo: Como a gamificação pode ajudar no aumento de produtividade?. Boa leitura e até a próxima!

 

Abraços

Postar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

WhatsApp chat